Teresópolis participa do lançamento do Pacto Cultural, pacote do Governo do Estado

You are currently viewing Teresópolis participa do lançamento do Pacto Cultural, pacote do Governo do Estado
Andrea Taubman, Cléo Jordão, Ricardo Guarilha e Cláudio Rogério Dutra no lançamento do 'Pacto Cultural'
Compartilhar:

Inscrições para primeiro edital serão abertas nesta terça, 31

A Secretária de Cultura de Teresópolis, Cléo Jordão, e o Subsecretário, Ricardo Guarilha, acompanhados pela escritora Andrea Taubman e o professor Cláudio Rogério Dutra, ambos membros do Conselho Municipal de Políticas Culturais, estiveram na última sexta-feira, 27 de agosto, no Rio de Janeiro, para o lançamento do Pacto Cultural RJ, pacote de investimento do Governo do Estado que vai injetar R$ 75 milhões no fomento à cultura fluminense.

Promovido pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, através da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (SECEC), o evento foi realizado no Teatro João Caetano e reuniu representantes de todos os 92 municípios do Estado do Rio.

Apresentado oficialmente pelo Governador Cláudio Castro e pela Secretária de Estado de Cultura e Economia Criativa, Danielle Barros, o Pacto Cultural conta com cinco editais, que serão lançados até o fim do ano e têm como objetivo estimular a cadeia produtiva do setor, gerar empregos e incentivar a retomada das atividades. Do total de R$ 75 milhões, R$ 40 milhões são provenientes do Fundo Estadual de Cultura (FEC), R$ 20 milhões do Governo do Estado e R$ 15 milhões do Governo Federal. “O Pacto é a retomada da arte, é a democratização do acesso à cultura. É a construção de uma cultura acessível, inclusiva e para todos”, destacou Danielle Barros.

Para a Secretária de Cultura de Teresópolis, Cléo Jordão, o Pacto Cultural será mais uma ferramenta de grande valia para o fomento da cultura na cidade. “O setor cultural foi um dos mais prejudicados pela pandemia da Covid-19. E, mesmo com todo o aporte gerado pela Lei Aldir Blanc, até hoje o setor segue com dificuldades, por conta das medidas de restrição, limitando a arte e a atuação dos artistas em quase todas as linguagens. Daí a importância do Pacto Cultural, que certamente dará uma nova injeção de ânimo à classe artística”, comentou.

O lançamento do pacto Cultural contou ainda com a presença de diversos artistas, como Marcos Frota, Toni Garrido e Pedro Baião. Na ocasião, além dos editais, também foi anunciada a retomada do convênio com o Governo Federal do programa de Pontos de Cultura, parado desde 2015.

Sobre os editais

As inscrições para a primeira chamada pública, a “Cultura Presente nas Redes 2”, que vai destinar R$ 7,5 milhões a três mil fazedores de cultura fluminenses, começam nesta terça-feira, 31 de agosto, a partir das 18h, e vão até 29 de setembro. Os interessados devem se inscrever através do sistema Desenvolve Cultura (http://cultura.rj.gov.br/desenvolve-cultura/inscricao/). Para concorrer basta ser residente do Estado do Rio e ter mais de 18 anos, além de comprovar atuação cultural há pelo menos um ano.

O maior volume de recursos vai para o edital Retomada Cultural RJ 2, que deve colocar no mercado cultural fluminense cerca de R$ 40 milhões, voltados para pessoas jurídicas e que contempla todos os segmentos culturais.

Ainda em 2021, serão lançadas chamadas voltadas para a Arte Urbana, com investimento de R$ 6 milhões e duas chamadas culturais inéditas no estado do Rio: edital para valorização da cultura dos Povos Tradicionais, com premiação de R$ 5 milhões, e uma chamada pública para contemplar artistas com algum tipo de deficiência, que conta com aporte de R$ 1,5 milhão.

Foto: Divulgação