Simulação de socorro à vítima de acidente encerra campanha de trânsito

Simulação de socorro à vítima de acidente encerra campanha de trânsito

A simulação de socorro a uma vítima de acidente de trânsito, prestada por equipe do Corpo de Bombeiros, chamou a atenção das pessoas que passavam pela Praça Olímpica nesta sexta-feira, 23. A atividade encerrou a programação da Semana Nacional de Educação para o Trânsito, evento anual coordenado pela Secretaria de Segurança Pública, através da Guarda Civil Municipal, Ronda Escolar e o Setor de Operações.

Na encenação de uma colisão de veículos com capotamento, a equipe do 16º GBM seguiu os protocolos internacionais de emergência e fez todos os procedimentos de socorro, desde a retirada da vítima das ferragens, passando pela estabilização e o transporte até um hospital.

O passo a passo foi explicado ao público pelo tenente bombeiro militar Fábio Pimentel. Ele enfatizou a importância do comportamento seguro no trânsito para a preservação da vida. “A nossa participação nessa campanha é para mostrar que os acidentes são reais. Pessoas morrem carbonizadas, presas às ferragens. Quando elas não usam o cinto de segurança, o peito e o crânio vão contra o volante, contra o painel do carro. É isso que queremos mostrar. Não é ficção, é real”, alertou.

Iniciada na segunda-feira, dia 19, a programação da Semana de Educação para o Trânsito contou com palestras em creches e escolas, realizadas por agentes da Guarda Civil Municipal (GCM). “Fizemos um semáforo e carrinhos de papelão para ensinar as crianças das creches e mostramos a importância delas respeitarem as cores da sinalização. E a reação foi muito boa, tanto dos alunos quanto dos professores”, contou a GCM Patrícia Cunha Souza.

Intensificadas durante a Semana de Educação para o Trânsito, as palestras para estudantes da Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio são realizadas durante todo o ano. “Conseguimos atingir um grande número de famílias nas comunidades por conta dessas palestras. Observamos que elas contribuem para diminuir os acidentes de trânsito”, comentou.

Para o secretário municipal de Segurança Pública, atividades como estas colaboram para que pedestres e condutores de veículos mudem o seu comportamento para termos um trânsito mais seguro. “Parabenizo o povo de Teresópolis, que está entendendo a nossa proposta. Eu peço: motoristas, respeitem a faixa de pedestres. E pedestres, respeitem os sinais de trânsito. Um trânsito seguro depende de todos nós”, finalizou.

FOTOS – crédito AscomPMT

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: