Saldo de empregos no ano segue positivo em Teresópolis

Levantamento do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), divulgado pelo Ministério da Economia, mostra que entre os meses de janeiro e outubro de 2019, Teresópolis registrou um saldo positivo de 573 vagas de emprego, com carteira assinada. Só em julho, foram 199 vagas, considerado o melhor mês em doze anos, seguido por agosto, com 115 vagas. Entre outubro de 2018 e outubro de 2019, o saldo é de 723 empregos.

 A crise econômica que atinge os municípios brasileiros nos últimos anos tem aumentado o número de desempregados e a falta de capacitação agrava esse quadro. Em Teresópolis, a Gestão Municipal tem investido em ações para capacitar mão de obra, incentivar o empreendedorismo e a formalização dos trabalhadores informais.

 “No final de outubro, o Prefeito Vinicius Claussen lançou o ‘Emprega Terê”, quando apresentou na Câmara de Vereadores um pacote de leis para estimular a geração de emprego e renda, nas áreas de tecnologia e inovação e pequenos negócios. Esse pacote também contempla pequenos empreendedores, como vendedores ambulantes e aqueles que trabalham com food trucks, por exemplo. A proposta é dar segurança às pessoas que têm nessas atividades uma alternativa de renda”, explica Vinicius Oberg, secretário de Trabalho e Emprego.

 Outra medida foi a contratação de cursos gratuitos do SENAC e do SENAI, com a oferta de 1.244 vagas em cursos profissionalizantes para jovens e adultos cadastrados nos cinco Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e no Centro Especializado de Referência de Assistência Social (CEAS) de Teresópolis.

 “Ciente de que as empresas procuram trabalhadores qualificados para preencher os seus quadros de vagas, o Prefeito contratou esses cursos, através da Secretaria de Desenvolvimento Social. São medidas de combate ao desemprego postas em prática pela Gestão Municipal, que continua buscando alternativas para melhorar a qualidade de vida da população”, conclui Vinicius Oberg.