Revezamento Tocha: Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ vai ajudar na logística

Revezamento Tocha: Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ vai ajudar na logística
Membros do Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ se reúnem com Elias Martins, Secretário de Turismo, para tratar dos detalhes sobre o apoio logístico que darão na passagem da tocha olímpica pela cidade
Membros do Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ se reúnem com Elias Martins, Secretário de Turismo, para tratar dos detalhes sobre o apoio logístico que darão na passagem da tocha olímpica pela cidade
Membros do Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ se reúnem com Elias Martins, Secretário de Turismo, para tratar dos detalhes sobre o apoio logístico que darão na passagem da tocha olímpica pela cidade

Integrantes do Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ foram recebidos nesta quarta-feira, 27, pelo Secretário de Turismo, Elias Martins. Eles conversaram sobre o apoio logístico que o grupo dará à Prefeitura durante o Revezamento da Tocha Olímpica em Teresópolis, neste sábado, 30 de julho.

“Eles vão nos ajudar no transporte de guardas municipais ao longo do percurso do revezamento para facilitar o deslocamento dos agentes. Além disso, outros membros do grupo, e também de outros moto clubes, vão se reunir na Fonte Judith, no Alto, para acompanhar o comboio até o Soberbo”, explicou Elias Martins.

Participaram da reunião Paulo Fernando Pimentel, João Pires, Edilberto Machado e Guilherme Seixas, coordenador do moto clube na cidade. “Vamos ajudar na locomoção de guardas municipais e iremos fazer esse trabalho com muito prazer. O trânsito vai estar bloqueado nas ruas e avenidas do percurso e de moto a gente tem acesso aos locais mais facilmente”, explicou Guilherme.

Edilberto Machado comentou sobre a emoção de participar do evento. “Será um momento especial, histórico, e que nossa geração dificilmente assistirá de novo. Terei orgulho de dizer para minhas netas que participei. Então, acho importante que todos os cidadãos prestigiem”.

O Moto Clube ‘Bodes do Asfalto’ foi fundado em 2003, em Feira de Santana (BA) e tem facções por todo o país e também no exterior, com 12.500 motociclistas. Além dos eventos de confraternização, promove ações sociais e filantrópicas, conforme os ensinamentos da Ordem Maçônica, a qual os motociclistas são membros. Em Teresópolis, o grupo foi criado há 10 anos.

Fotos: Marcelo Roza

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: