Programa Bem me Quer Terê é selecionado para ser beneficiado com recursos da venda de livro

You are currently viewing Programa Bem me Quer Terê é selecionado para ser beneficiado com recursos da venda de livro
Compartilhar:

Responsável pelo atendimento de crianças e adolescentes vítimas de violência sexual, o programa Bem me Quer Terê, da Secretaria Municipal de Saúde, foi escolhido pelo pastor Alexandre Mineiro Castro, da Igreja Batista Lagoinha, para ser beneficiado com os recursos da venda do primeiro livro de sua autoria.

“Queremos fortalecer esse programa, para que ele possa identificar e prevenir situações de abuso que estejam acontecendo, pra gente libertar essas crianças e adolescentes”, comentou o Pastor Alexandre Mineiro.

Intitulado ‘Incomum – Escolha viver uma vida fora do comum através da fé’, o livro foi lançado neste domingo, 19/09. A indicação foi feita por Tatiana Charles, integrante da Igreja e Conselheira Tutelar.

“O programa foi escolhido por tratar de uma questão de saúde que atinge crianças e adolescentes e que rouba seus sonhos, que é o abuso sexual. Não receberemos dinheiro. Nós indicaremos nossas necessidades e os recursos serão revertidos em bens materiais, como equipamentos e mobiliário, que serão entregues ao programa para melhor atendimento e conforto dos nossos assistidos”, explicou Sandra Erli Azevedo, coordenadora do Bem Me Quer Terê, que prestigiou o lançamento acompanhada por Janete Rezende, psicóloga do programa.

O programa ‘Bem Me Quer Terê’ é vinculado ao Centro Materno Infantil e está instalado no prédio anexo do Centro Administrativo Manoel Machado de Freitas (Av. Lúcio Meira, 375/3º piso), na Várzea. Conta com equipe formada por assistente social, psicólogo, médica e enfermeira, que faz o atendimento de crianças e adolescentes vítimas de violência sexual, que são ouvidos em ambiente apropriado, com escuta qualificada. Quando necessário, os casos são encaminhados à rede de saúde e assistência social para tratamento e acompanhamento O atendimento acontece de segunda a sexta, das 9h às 17h.

Foto: Divulgação

Coordenadora Sandra Erli Azevedo, o pastor Alexandre Mineiro e a psicóloga Janete Rezende