Prefeitura vai recuperar danos do ato de vandalismo na Creche Oscar Lobato

Prefeitura vai recuperar danos do ato de vandalismo na Creche Oscar Lobato

Equipe da 110ª Delegacia Policial de Teresópolis concluiu nesta quinta-feira (24), o trabalho de perícia na Creche Municipal Oscar Lobato, no bairro de São Pedro, invadida e vandalizada recentemente. A ação foi necessária por se tratar de danos a um prédio público. O Prefeito Vinicius Claussen e a Secretária de Educação, Rosana Mendes, lamentaram o ocorrido.

Duas portas arrombadas, material didático e de recreação danificados e espalhados pelo chão, paredes e piso borrados com tinta guache, brinquedos infantis sujos com cola quente. Foi assim que os funcionários encontraram nesta quarta-feira (23), o piso inferior da creche, ao abrirem a unidade para iniciar o atendimento de pais e responsáveis para efetivação da matrícula de novos alunos. Imediatamente, a direção registrou boletim de ocorrência na 110ª DP.

O ato de vandalismo ocorreu na área inferior do prédio escolar, onde ficam o pátio, banheiros, lavanderia e duas salas de turmas de pré-escolar. Por enquanto, a equipe diretiva não deu falta de nenhum equipamento ou material. “Aguardamos a liberação do espaço pela perícia da Polícia Civil e agora vamos chamar professores e pessoal de apoio para fazer um inventário do que está faltando. A creche estará limpa e preparada para o início das aulas, no dia 5 de fevereiro”, comentou a auxiliar de direção, Fabíola Martins Moraes.

Localizada no bairro de São Pedro, a Creche Oscar Lobato atende cerca de 300 crianças, de 6 meses a 5 anos, em turmas de berçário, maternal, jardim, pré 1 e pré 2. “Ficamos muito chateados, pois a creche é da comunidade. É um sentimento de tristeza, porque parece que nosso trabalho não tem valor. O material que as professoras deixaram para o início das aulas foi praticamente todo estragado”, Fabíola desabafou.

Para o Diretor da creche, Éder Tomás da Cruz, o sentimento foi de impotência. “Como diretor e cidadão, sinto-me impotente diante de tanta covardia. Tudo reformado, comprado e mantido com tanto carinho e esforço para atender, da melhor forma possível, nossas crianças. Não se trata apenas de muros e paredes, dentro daquela creche/escola há sonhos. Precisamos conscientizar a comunidade que a escola não é minha, não é da Secretaria de Educação, ela é nossa. Temos muito pela frente e, novamente, mostraremos o quanto a educação é importante e se faz a cada dia”, o diretor desabafou, recebendo muitas mensagens de apoio e solidariedade pelas redes sociais.

Fotos: Jorge Maravilha

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: