Lotação de 95% nos hotéis e eventos fizeram o Carnaval em Teresópolis

Lotação de 95% nos hotéis e eventos fizeram o Carnaval em Teresópolis
Ivo Bernardo diverte o público com performances circenses

Mesmo não sendo possível a realização de programação tradicionalmente carnavalesca, a cidade foi visitada por milhares de turistas durante o feriadão. Entre as opções de lazer, belezas naturais, como parques e cachoeiras, excelentes redes gastronômica e hoteleira, que registrou taxa de ocupação acima de 95%. Também foram promovidas atividades circenses na Feirinha do Alto e a 2ª edição de 2016 do Cultura de Raiz, na Casa de Cultura Adolpho Bloch.

O Secretário de Cultura e de Turismo, Elias Martins, observou que, além dos turistas que passaram todo o feriadão, a visitação à cidade durante o dia, o chamado ‘bate e volta’, foi intensa:

– Nossos hotéis ficaram lotados, mas notamos grande presença de turistas que vieram passar o dia. O Parque Nacional e a Cachoeira dos Frades, por exemplo, tiveram ótima visitação de moradores de outras cidades. Os restaurantes daqui registraram excelente movimento nesses dias.

Diversão na Feirinha

O mágico-palhaço Ozair Pirilim e Ivo Bernardo divertiram a criançada que passeava pela Feirinha do Alto no sábado e na terça de Carnaval, com um espetáculo circense que incluiu brincadeiras com ventríloquo e performances de pernas de pau.

Um dos principais pontos de lazer para turistas e moradores, a Feirinha do Alto possui cerca de 600 estandes e Praça de Alimentação. O atrativo funciona sábado, domingo e feriados prolongados, das 10h às 19h, com opções variadas de moda, artesanato e de gastronomia.

Cultura de Raiz em clima de folia

Em um ambiente alegre e descontraído foi realizado no domingo de Carnaval a 2ª edição do Encontro de Cultura de Raiz de 2016. O evento contou com a participação de diversos artistas da cidade, no auditório da Casa de Cultura Adolpho Bloch. O secretário de Cultura e de Turismo, Elias Martins, e a subsecretária Cléo Jordão estiveram presentes. Elias Martins pontuou que o projeto completa em 2016 sete anos de existência e que é de grande importância para a cultura popular e que dará continuidade à iniciativa.

A abertura foi feita pelo engenheiro agrônomo Beto Selig e, em seguida, apresentaram-se os artistas Adão Curió da Viola, Crésio da Vila, José dos Santos, Edson Firmino, Edson Rosa, Clotilde Soares, Timbira, Amado Rodrigues, Ayrton Rebello, Zé Futrica, Geremias, Miller e Gustavo. As duplas Félix do Forró e Maninho, Jorge Viajante e Célio Monteiro e Wagner e Eduarda também participaram, entre outros músicos. O encerramento foi em clima de folia, com marchinhas e sambas tocados por Fernando Mello e Arnaldo Almeida.

Fotos: Francisco Vicente Vaz

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: