Hemodiálise: Prefeito convida pacientes renais para reunião

Hemodiálise: Prefeito convida pacientes renais para reunião
Hemodiálise: Prefeito convida pacientes renais para reunião

Licitação será no dia 15 de abril 

O Prefeito de Teresópolis, Mario Tricano, reuniu-se com 50 pacientes renais. Esclareceu sobre as pendências para realização dos serviços de Hemodiálise na cidade e ouviu as demandas de cada um. Garantiu empenho para que o atendimento seja retomado o mais breve possível no Município. Como exemplo prático, citou a realização da concorrência no dia 15 de abril. 

Apesar das dificuldades financeiras e administrativas herdadas pela Prefeitura e pelo momento nacional de crônica crise econômica, o Prefeito assegurou que a Saúde é uma das prioridades de sua gestão. 

– Em apenas 60 dias de Governo, conseguimos marcar para 15 de abril a licitação para contratação de empresa que vai administrar o Centro de Hemodiálise. Mas, o funcionamento dependerá de certos trâmites que fogem da alçada da Prefeitura. Vamos tentar resolver os trâmites o mais rápido possível -, salientou o Prefeito. 

O fato é que, antes de começar a funcionar, a empresa vencedora terá que equipar o centro e contratar pessoal; depois passará pelo crivo dos órgãos fiscalizadores do Estado e deverá obter licença junto ao Ministério da Saúde. 

Atualmente, 92 pacientes renais fazem hemodiálise em Itaboraí e Magé, com transporte e acompanhamento de profissionais de enfermagem garantidos pela Prefeitura. 

– Quando um paciente renal dá entrada na UPA, a Secretaria de Saúde é avisada e aciona o São José, hospital de retaguarda em Teresópolis, para que dê encaminhamento – explicou o Secretário de Saúde, Antonio Henrique. 

Quanto ao kit lanche citado pelos presentes, o Secretário informou que o processo licitatório para aquisição está em andamento. 

Houve denúncia de que determinado enfermeiro dormia durante a viagem e o Prefeito exigiu imediatas providências ainda durante a reunião com os pacientes renais. 

O Prefeito encerrou o encontro com o compromisso de buscar solução para as demandas apresentadas, e mostrando disposição para restabelecer o pleno atendimento na Saúde para a população. 

Remédios

As dificuldades para aquisição de medicamentos também foram citadas por Tricano. “Fizemos uma licitação para 191 itens da farmácia básica, mas as empresas só cotaram dois itens. Logo, não houve condições para compra”, relatou. Novo procedimento está em fase de cotação de preços. 

Já para abastecer a UPA 24 Horas, o pregão para registro de preços, pelo período de 12 meses, está marcado para o dia 4 de abril.  

Participaram do encontro nesta terça-feira, 22, os Secretários Municipais de Saúde, Antonio Henrique, e de Governo, Raphael Teixeira. 

Fotos: AscomPMT
Foto Destaque: Hemodiálise: Prefeito convida pacientes renais para reunião

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: