Fortalecimento de vínculos: CRAS Fischer registra mais de 2.300 atendimentos em sete meses

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social presta contas dos serviços sociais oferecidos em mais um de seus equipamentos: o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Fischer. Apesar das restrições impostas a partir de 17 de março devido à pandemia de Covid-19, o CRAS garantiu o atendimento de famílias e pessoas referenciadas em sua área de abrangência, através de programas e atividades voltados, principalmente, para a orientação e o convívio sociofamiliar. De janeiro a julho, foram 2.317 atendimentos individualizados e 458 famílias atendidas por telefone, entre outros.

“A Secretaria de Desenvolvimento Social segue com a missão de monitorar o acesso das pessoas e grupos em situação de vulnerabilidade aos direitos socioassistenciais. É o que prevê a política municipal de assistência social e o que determina o Sistema Único de Assistência Social. Daí a importância da prestação de contas que vem sendo apresentada à população”, pontua o Prefeito Vinicius Claussen.

Confira os atendimentos do CRAS Fischer entre os meses de janeiro e julho:

Atendimentos individualizados 2.317
Famílias acompanhadas pelo Programa de Atenção Integral à Família 165
Famílias atendidas por telefone 458
Cestas Básicas concedidas – CONLESTE 47
Cestas Básicas concedidas – doação de empresários 23
Cestas Básicas concedidas – parceria Emater-Rio e Fundação Banco do Brasil 398
Cartões alimentação entregues aos beneficiários do Programa Bolsa Família 867
Auxílio funeral concedido 01
Suporte referente ao auxilio emergencial 365
Visitas domiciliares 54
Famílias incluídas no Cadastro Único 240
Famílias encaminhadas para atualização do Cadastro Único 259
Encaminhamentos para o Centro de Referência Especializado de Assistência Social 05
Participantes de palestras, oficinas e outras atividades no CRAS 20
Idosos participantes dos Serviços de Convivência e Fortalecimentos de Vínculos 13
Crianças e adolescentes de 7 a 14 anos em serviços de Convivência e Fortalecimentos de Vínculos 19
Adolescentes de 15 a 17 anos em serviços de Convivência e Fortalecimentos de Vínculos 06
Pessoas de 18 a 59 anos em serviços de Convivência e Fortalecimentos de Vínculos 59
Pessoas com deficiência participando dos Serviços de Convivência 05