Equipe do CREAS faz nova abordagem social de população de rua

Equipe do CREAS faz nova abordagem social de população de rua
Abordagem social pelas técnicas do CREAS é acompanhada pela Guarda Civil Municipal

Nesta terça-feira, dia 5, equipe do CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social, vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Social, fez nova abordagem social de pessoas em situação de rua. Mais uma vez, foi feito contato com um grupo que se encontrava no entorno da Rodoviária, na Várzea. A ação foi acompanhada por agentes da Guarda Civil Municipal.

“Nesses casos, são feitas conversas de acolhimento com foco na reinserção familiar e as pessoas são orientadas a procurar o Abrigo Municipal Dr. Sergio Fernandes, no Bom Retiro. A instituição é mantida pela Associação Beneficente Sopão, com colaboração da Prefeitura. Entretanto, por lei, o poder público não pode recolher essas pessoas contra a vontade delas”, relembra Margareth Rosi, secretária municipal de Desenvolvimento Social. No final do mês de maio, ela realizou esse trabalho no mesmo local e também na Praça Governador Portela, na Várzea.

Em Teresópolis, a abordagem social da população em situação de rua é feita por equipe técnica do CREAS. As pessoas são entrevistadas e as que aceitam o acolhimento são encaminhadas para o abrigo municipal, onde têm refeição e pernoite. O serviço é realizado com ou sem denúncias, seguindo diretrizes da legislação vigente. Após o acolhimento, é feito um trabalho de reinserção familiar dos indivíduos que aceitam a abordagem; e os que não são de Teresópolis, são encaminhados para o município de origem.

Fotos: Divulgação

Comente:

Fechar Menu
%d blogueiros gostam disto: