Cedal receberá o programa Ginásio Experimental Olímpico e funcionará em tempo integral em 2022

You are currently viewing Cedal receberá o programa Ginásio Experimental Olímpico e funcionará em tempo integral em 2022
Secretária de Educação Satiele Santos abre a reunião de apresentação do GEO
Compartilhar:

Secretaria de Educação amplia de 5 para 8 as escolas em horário integral, que serão transformadas em Escolas Municipais Olímpicas

O Cedal (Centro Educacional Rose Dalmaso), no bairro de São Pedro, será a primeira escola municipal de Teresópolis a receber o programa GEO – Ginásio Experimental Olímpico no ano letivo de 2022. Iniciativa do Instituto Trevo, o programa tem como objetivo levar a temática olímpica para o ambiente escolar, proporcionando a interação entre todas as disciplinas dos conteúdos regulares, com ênfase nos valores olímpicos.

“Nosso agradecimento pela parceria com Teresópolis com essa iniciativa transformadora e que contribuiu para a formação integral dos nossos alunos por meio da educação e do esporte. Nossa gestão está sempre em busca das melhores ferramentas para oferecer ensino de qualidade aos estudantes da rede municipal de Educação”, pontuou o Prefeito Vinicius Claussen.

A proposta pedagógica é direcionada para os Anos Finais do Ensino Fundamental e voltada para os valores esportivos aluno-atleta-cidadão, dando oportunidade aos estudantes com aptidões esportivas de desenvolverem seu potencial. Para isso, o Cedal passará a funcionar em horário integral, de 7h30 às 15h30.

A Secretaria de Educação está ampliando de 5 para 8 o número de escolas municipais do 1º segmento do Ensino Fundamental que funcionam em tempo integral. Essas unidades serão transformadas em EMOT – Escolas Municipais Olímpicas de Teresópolis, cuja proposta pedagógica é voltada para os Anos Iniciais. Nesta proposta, as unidades terão seis tempos semanais de MovLab, que é o laboratório de movimentos.

Já funcionam de 7h30 às 15h as escolas Professora Acliméa Nascimento (São Pedro), Governador Portella (Morro dos Pinheiros), Professor Sylvio Amaral dos Santos (Granja Guarani), Heleno de Barros Nunes (Fischer) e Rui Barbosa (Gamboa); A partir do ano que vem, terão o horário estendido as escolas Hilário Ribeiro (Quebra Frascos), Sebastião Mello (Barroso) e Amélia dos Santos Ramos (Campo Limpo).

Novidade é o Cedal, primeira escola do 2º Segmento do Ensino Fundamental a funcionar em tempo integral.

As duas iniciativas foram apresentadas nesta terça-feira, 09/11, pela equipe da Secretaria Municipal de Educação aos professores das unidades escolares que serão atendidas. “É uma proposta inovadora, ímpar no município de Teresópolis, onde as escolas terão práticas esportivas com valores olímpicos para formação do aluno cidadão e de futuros atletas. A ideia é termos escolas diferenciadas, com o Cedal sendo pioneiro como unidade do 2º segmento funcionando em tempo integral”, destacou Satiele Santos, secretária municipal de Educação, acrescentando que a ampliação do número de escolas municipais com horário integral está prevista no Plano Nacional de Educação e no Plano Municipal de Educação.

“Essa proposta pedagógica possibilita um movimento intenso, o que favorece a aprendizagem. Outra proposta é tirar crianças de eventuais situações de vulnerabilidade e oferecer a elas uma motivação esportiva, trabalhando os valores olímpicos. Os professores terão dedicação exclusiva, ou seja, vão trabalhar o dia todo na escola, ampliando e favorecendo os vínculos afetivos. As relações afetivas são determinantes para a aprendizagem”, explicou Cristina Esteves, diretora do Departamento Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação.

O Instituto Trevo é uma organização sem fins lucrativos que atua com esporte, educação e empreendedorismo social e é responsável por treinar os professores para atuar nos dois programas. “No GEO a escola é vocacionada para o esporte, onde os alunos terão aulas do núcleo comum e treinamento esportivo em modalidades que serão oferecidas de acordo com a infraestrutura da unidade e o histórico de competição escolar da região. Não existe turno e contraturno, a proposta é conciliar as rotinas escolares e esportivas em um mesmo ambiente. Nos anos i niciais do Ensino Fundamental os alunos terão mais atividades físicas acontecendo nas escolas através do MovLab, que é o laboratório de movimentos”, explicou Ana Caroline Vieira, uma das coordenadoras do Instituto Trevo. Ela apresentou o planejamento das propostas pedagógicas para Teresópolis junto com Alycia Gaspar e Roberta Fonseca.

A equipe do Departamento Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação realizará encontros nas escolas para esclarecer as dúvidas dos professores sobre a implantação do programa. Depois, serão realizadas reuniões para apresentar o programa Ginásio Experimental Olímpico aos pais de alunos.

Fotos: Bruno Nepomuceno.