Campanha de captação de doadores de Medula Óssea sexta e sábado em Teresópolis

Campanha de captação de doadores de Medula Óssea sexta e sábado em Teresópolis

Acontece nesta sexta-feira e sábado, dias 26 e 27 de fevereiro, em Teresópolis, uma campanha de captação e cadastramento de doadores de medula óssea, coordenada pelo Hemorio – Instituto Estadual de Hematologia Arthur Siqueira Cavalcanti – e que será realizada no Hemonúcleo de Teresópolis.

A ação tem o objetivo de atender principalmente o paciente Grenis da Silva Machado, portador de anemia aplástica, doença auto-imune em que a medula óssea deixa de produzir a quantidade adequada de glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas.

A iniciativa também aumentará a chance de encontrar doadores compatíveis para o banco de dados do Registro Nacional de Medula Óssea (Redome), órgão que faz parte do Instituto Nacional do Câncer (Inca) e que reúne informações de pessoas que se dispõem a doar medula óssea para transplante.

Para participar, o doador precisa ter entre 18 e 55 anos e estar em bom estado geral de saúde (não ter doença infecciosa ou incapacitante), além de apresentar documento de identidade.

– Será coletada uma amostra de apenas 5 ml de sangue. Será feito um mapeamento genético, os dados serão cruzados e quando for encontrado um receptor compatível, o doador será contatado para a doação -, explicou o hematologista Antonio Julio Guimarães, responsável técnico pelo setor de transplante do Hemorio.

Nos dias 26 e 27, o atendimento da campanha de doadores de medula óssea acontecerá das 8h às 17h, no Hemonúcleo (Rua Francisco Sá, 299, na Várzea). Haverá equipe de plantão para esclarecimento de dúvidas dos possíveis doadores.

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: