Agenda 2030: Teresópolis assina Pacto pelo Clima e a Energia

You are currently viewing Agenda 2030: Teresópolis assina Pacto pelo Clima e a Energia
Compartilhar:

Prefeitura e Unifeso se unem pela redução de gases poluentes e o acesso à energia sustentável

Teresópolis, 14 de dezembro de 2020 – O Prefeito Vinicius Claussen assinou a adesão do município de Teresópolis ao ‘Pacto de Prefeitos pelo Clima e a Energia’. O documento foi oficializado durante a mesa-redonda ‘Agenda 2030 e ODS: Energia Social, Ambiental e Econômica’, realizada no dia 26 de novembro na edição virtual do V Confeso – Congresso Acadêmico-Científico do Unifeso (Centro Universitário Serra dos Órgãos).

“É um compromisso pelos 4 anos de gestão, para que Teresópolis entre efetivamente na luta contra as mudanças climáticas. A proposta é que com a troca de experiências e com conhecimento técnico-científico compartilhado com o Unifeso, o município avance na construção de ações concretas pela redução da emissão de gases do efeito estufa e o uso de energia limpa em benefício do desenvolvimento sustentável do nosso município”, pontua o Prefeito Vinicius Claussen.

O documento foi elaborado em conjunto pela Sala Verde Unifeso e pela Sala Verde Que Te Quero Verde, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente. “É um compromisso do prefeito, eleito democraticamente para o mandato de 2021 a 2024, a produzir um documento de diagnóstico do município a partir de indicadores oficiais de Teresópolis. Ele vai utilizar esse estudo como diagnóstico para a elaboração do seu plano de metas, que está previsto na Lei Orgânica do município. O prefeito se compromete também a criar uma comissão municipal que irá discutir o plano de metas com a sociedade”, diz a professora Ana Maria Gomes d e Almeida, coordenadora da Sala Verde Unifeso e diretora do Centro de Ciências Humana e Sociais do Unifeso.

Agenda 2030

A Agenda 2030 é um plano de ações desenvolvido pela Organização das Nações Unidas (ONU) que visa à erradicação da pobreza e a promoção do desenvolvimento econômico, social e ambiental em escala global até o ano 2030. O documento enumera 17 objetivos gerais e 169 metas a serem alcançadas pelos países até 2030, configurando uma nova Agenda Universal. São os objetivos: erradicação da pobreza; fome zero e agricultura sustentável; saúde e bem-estar; educação de qualidade; igualdade de gênero; água potável e saneamento; energia limpa e acessível; trabalho decente e crescimento econômico; indústria, inovação e infraestrutura; redução das desigualdades; cidades e comunidades sustentáveis; consumo e produção responsáveis; ação pela mudança global do clima; vida na água; vida terrestre; paz, justiça e instituições eficazes; parcerias e meios de implementação.