Adoção de praça e reinauguração de coreto marcam o lançamento do projeto ‘Florir Teresópolis’

You are currently viewing Adoção de praça e reinauguração de coreto marcam o lançamento do projeto ‘Florir Teresópolis’
Reinauguração do coreto revitalizado na praça Baltazar da Silveira
Compartilhar:

Plantio e distribuição de mudas festejaram a chegada da Primavera e o Dia da Árvore 

O Prefeito Vinicius Claussen deu boas vindas à Primavera nesta quarta-feira, 22/09, com o lançamento do ‘Florir Teresópolis’. O projeto paisagístico e de arborização pretende criar ações, envolvendo a iniciativa privada, para o embelezamento dos espaços públicos através da recuperação dos canteiros e jardins em praças e calçadas, na cidade e no interior.

A primeira ação foi a reinauguração do coreto da praça da Matriz de Santa Teresa, no centro da cidade, totalmente revitalizado pela Floricultura Teresópolis para a exploração do comércio de flores, cartões postais, artigos de artesanato e souvenirs. Em contrapartida, a empresa, que venceu a Chamada Pública realizada pela Prefeitura, será responsável pela manutenção do espaço público e pagará uma outorga mensal reajustável no valor de R$ 660. A iniciativa ainda rendeu a geração de empregos, através da contratação de três 3 funcionários para trabalhar no local.

Outra ação é o ‘Adote Terê’, que por meio de lei municipal autoriza a iniciativa privada a se responsabilizar pela manutenção de espaços públicos. A primeira praça adotada é a Baltazar da Silveira – a da Matriz de Santa Teresa, na Várzea, que passa a ter a sua conservação bancada pelo Teresópolis Shopping Center. Já a Praça Maria Corina Paim, na Barra do Imbuí, que até então era responsabilidade do empreendimento, foi adotada pelo Supermercado Multi Market. Outro espaço contemplado pelo ‘Adote Terê’ é o canteiro central da Reta, com pouco mais de 2 quilômetros de extensão entre as avenidas Feliciano Sodré e Lúcio Meira e que será revitalizado por três empresas.

“Estamos numa nova fase da construção de identidade e de pertencimento de Teresópolis. Colocamos em prática intervenções de acupuntura urbana, com ações pontuais e estratégicas, rápidas de executar, em parceria com a iniciativa privada, para transformar os espaços públicos. Teremos ainda ações para envolver a população no cuidado dos jardins públicos, pois nossa meta é que Teresópolis seja conhecida como a cidade mais florida do Brasil. Nós nos aliamos aos cidadãos e ao segmento produtivo para tornar nossa cidade mais bela, mais humana e mais feliz para nossas famílias”, destacou o Prefeito Vinicius Claussen, acompanhado pela Primeira-dama, Paula Schütte Claussen – madrinha do projeto, e os vereadores Tenente Jaime Medeiros e Amós Laurindo.

Arborização dos bairros

A terceira ação do ‘Florir Teresópolis’ é o programa de arborização que acontecerá por meio do projeto ‘Gari Comunitário’, de zeladoria dos bairros. A ideia é que os 24 bairros atendidos pela iniciativa recebam o plantio de árvores nativas. Os locais de reflorestamento serão indicados pelos presidentes de associações de moradores.

“Planejamos o plantio de 500 árvores, ação que também envolverá atividades de educação ambiental com alunos das escolas municipais. O ‘Florir Teresópolis’ não é da Prefeitura, ele pertence à população e envolve os cidadãos nos cuidados dos nossos jardins públicos. Tudo para manter nossa cidade florida o ano inteiro”, comentou Cléo Jordão, secretária municipal de Cultura e coordenadora geral do projeto.

Eleito padrinho do ‘Florir Teresópolis’, padre Jorge Medeiros, pároco da Matriz de Santa Teresa, aprovou a iniciativa. “A transformação do coreto foi um pedido meu ao Prefeito Vinicius e foi concretizado hoje. Vejo que será um ponto de encontro para turistas e teresopolitanos. Desejo que nossa Teresópolis seja encantadora pela beleza das flores e da natureza”.

Segundo o vice-presidente do Teresópolis Convention & Visitors Bureau, o resgate da identidade da cidade sempre foi tema de debates. “Há muitos anos atrás Teresópolis foi referência de cidade florida, sendo comparada a Gramado/RS. Inclusive, muitos comentam que as hortênsias de Gramado saíram daqui. É um momento importante que está acontecendo, de reconstrução neste período de pós-pandemia. Muito bom fazer parte e ver um momento especial assim”, opinou Pedro Alves.

Plantio e distribuição de mudas

Realizado na Praça Baltazar da Silveira, no centro da cidade, o lançamento do ‘Florir Teresópolis’ contou com o plantio de um Ipê amarelo para festejar o Dia da Árvore, comemorado em 21 de setembro. Feito pelos garis comunitários Márcia da Costa Souza, do Caleme, Edson Gomes Matilde, do Vale dos Lúcios, e Reginaldo Soares, do Brejal, o plantio aconteceu no mesmo local da Figueira centenária que secou e foi removida em março de 2020. Simbolizando o início do projeto, alunos do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) da Várzea plantaram uma muda de lantana, espécie de flor que renova os canteiros dos espaços públicos do município.

Durante o evento, quem passou pela praça da Matriz de Santa Teresa foi presenteado com árvores nativas da Mata Atlântica. Doadas pela Fundação Mokiti Okada, as mudas foram distribuídas pelas equipes do Rotary Club Teresópolis, Interact Club de Teresópolis, Casa da Amizade das Senhoras dos Rotarianos de Teresópolis e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Fotos: Bruno Nepomuceno