24º Salão Nacional da Primavera homenageia artistas

24º Salão Nacional da Primavera homenageia artistas

Com casa cheia, Exposição conta com mais de 100 obras da arte, premiação e coquetel de encerramento

Com uma cerimônia de muitas premiações e um animado coquetel, foi aberto oficialmente na noite de sexta-feira, 14, na Casa de Cultura Adolpho Bloch, o 24º Salão Nacional da Primavera, promovido pela Sociedade dos Artistas de Teresópolis (SOARTE) em parceria com a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Cultura. A exposição ficará aberta ao público até 30 de outubro, podendo ser visitada de segunda a domingo, das 9h às 18h. A Casa de Cultura fica na Praça Juscelino Kubitschek, s/nº, em Araras (em frente à Igreja de Nossa Senhora de Fátima).

Antes da cerimônia, presidida pelo vice-presidente da Soarte, Israel Sartini, com a participação do Secretário Municipal de Cultura, Márcio de Paula, e apresentação de Georgia Jahara, diretora da Casa de Cultura, o Coral Cantores da Serra se apresentou com sucessos da MPB, sob a regência de Khaleb Pessoa, arranjos de Jane Barbosa e direção de Ayrton Rebello.

Além de Sartini e Márcio, compuseram a mesa diretora os presidentes; do Elos Clube Teresópolis, Jorge Luiz Dodaro; da Academia Teresopolitana de Letras e fundador da Soarte,  Carlos Veríssimo; da Academia de Letras e Artes da Região dos Lagos, Carlos Fouraux; e o representante da patrocinadora do salão, Asscon Escritórios Ltda, Eustáquio Pereira. O evento também contou com o apoio da Associação Brasileira de Desenho e Artes Visuais (ABD), Papelaria Globo, Via Express e Taberna Alpina.

A mostra coletiva apresenta mais de 100 obras, entre pinturas, desenhos e esculturas de artistas profissionais e amadores. “Tenho certeza de que o professor Sartini concorda comigo: este é um dos melhores salões da Primavera que já realizamos, com um grande número de obras de qualidade inscritas”, comentou o secretário Márcio de Paula, ao discursar no início da cerimônia. Sartini acenou positivamente e depois afirmou que o salão, que já se denomina “nacional”, em breve poderá virar “internacional”, a julgar pelo sucesso que vem fazendo.

Para os artistas, o Salão da Primavera é uma oportunidade única para exporem seus trabalhos. “Um espaço como este é imprescindível para o artista e também para o público que aprecia arte. Você não consegue viver do seu trabalho se não puder mostrá-lo”, comentou o pintor americano, Jason Weaver, premiado pelo quadro “Riacho da Serra”, inspirado nas paisagens de Teresópolis.

Outro destaque profissional foi a artista plástica Vanize Claussen pela obra “Pássaros”. “Estou muito feliz em participar pela primeira vez do Salão da Primavera. Sempre que posso prestigio a mostra e este ano está riquíssima em se tratando de obras de arte. Eu não esperava ganhar um premio, fiquei muito emocionada pelo reconhecimento do meu trabalho que desenvolvo há anos”, comentou Vanize.

Os prêmios foram distribuídos nas seguintes categorias:

  • “Escultura Profissional”: Edson Falcão (medalha de prata), Vera Regina (bronze).
  • “Desenho Amador”: Carmen Ferreira (bronze), Rosilene (prata), Adriana Amaral (ouro) e Maria Regina (destaque).
  • “Pintura Amadora”: Marina Correia, Fabiane Montegrós e Denny Peixoto (menção honrosa); Clea Lopes, Cid Aragão e Lili (bronze); Jo Ghazali, Soninha, Naíde Pinto e José Carlos Dias (prata); Ferrari e Helena Amaral (ouro); Marilene Balzi (destaque).
  • “Desenho Profissional”: Vanize Claussen (ouro), com “Pássaros”.
  • “Pintura Profissional”: Antônia Lúcia, Eliane Laranjeira (menção honrosa).
  • “Abstrato”: Patrícia Janiscewski, Clivaneida Kilsom e Sílvio Veras (bronze); Luiz Rocha Maia e Cássia Fouraux (prata); Carminha Mângia, Joelma Pinheiro e Rogério Lopes (ouro).
  • “Destaque Profissional”: Jason Weaver, com “Riacho da Serra”.

O prêmio principal da noite, “Prêmio de Aquisição”, com um cheque de R$ 1.200, foi entregue ao artista Di Burgos, por “Boulevard Du Port Royal”.

Duas homenagens especiais foram feitas: ao artista Carlos Gutierrez e à funcionária Neuza Sampaio, que vai se aposentar após 25 anos de dedicação à Casa de Cultura Adolpho Bloch.

Texto: Ney Reis
Fotos: Jorge Maravilha

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: