Educadores da rede municipal fazem minicurso sobre combate ao abuso e exploração sexual

Educadores da rede municipal fazem minicurso sobre combate ao abuso e exploração sexual

Resultado de parceria entre as secretarias municipais de Educação e de Saúde, o minicurso ‘Combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes: qual é o papel da escola?’ teve continuidade nesta quarta-feira (12). Ministrada pela assistente social Sandra Erli Azevedo, coordenadora do programa ‘Bem me quer Terê’, a formação reuniu diretores e orientadores pedagógicos de escolas municipais do 1° ano 5º ano do Ensino Fundamental de escolas municipais da área urbana. 

Entre os temas abordados, estão a Lei 13.431/2017, da Escuta Protegida de crianças e adolescentes vítimas de abuso, o papel da escola quando suspeita de algum caso e a inclusão de temas como auto-proteção e auto-cuidado nas atividades escolares. 

O programa ‘Bem Me Quer Terê’, da Secretaria Municipal de Saúde, é vinculado ao Centro Materno Infantil e está instalado no prédio anexo do Centro Administrativo Manoel Freitas (Av. Lúcio Meira, 375/3º piso), na Várzea, local onde o curso é realizado.

As próximas datas do minicurso são 19 de junho, para os educadores do 1º ao 5º ano das escolas municipais da zona rural urbana, e 26 de junho para a Educação Infantil.

Fechar Menu
Skip to content
%d blogueiros gostam disto: